12/08/2019 às 15h45min - Atualizada em 12/08/2019 às 15h56min

Sites comparadores de preços estão em consolidação por todo o mundo

Comparadores online são boas opções na contratação de produtos, serviços e até de seguro viagem.

DINO
http://www.assist-med-viagem.com.br
hombre-negocios-que-usa-tarjeta-credito-comprar-articulos

Ao longo da última década uma nova indústria de “sites de comparação de preços” ou “agregadores web” surgiu e com o tempo ganhou presença e força.

Estas plataformas têm permitido que os consumidores verifiquem de modo prático e rápido os preços de determinados serviços ou produtos, comparando inclusive variáveis importantes relacionadas aos acessórios, descrições técnicas e outras especificações. Tudo isso simultaneamente, em um só lugar. Essa facilidade é particularmente útil para os consumidores em um cenário onde preços aparentemente homogêneos são na verdade dispersos.

Os sites de comparação são populares em muitos países e, em muitos mercados consolidados, incluindo os serviços públicos, eletrodomésticos e eletroeletrônicos, o mercado de turismo, o financeiro, os serviços aéreos e os bens duráveis.

Estes sites movimentam bilhões de dólares de receitas anuais. No Reino Unido, por exemplo, utilidades e serviços financeiros têm desfrutado de um crescimento impressionante. A receita dos quatro maiores comparadores do Reino Unido tem crescido 15% em média durante ao ano.

A Internet alterou os custos de pesquisa, permitindo aos consumidores que comparem preços em toda as empresas e marcas de seu interesse em questão de cliques. Isso intensifica a competitividade e assegura preços menores aos clientes finais. Um consumidor pode não saber quais são todas as marcas existentes de determinado serviço ou produto, mas o comparador pode exibir uma lista completa de ofertas do mercado, maximizando assim a pressão por menores preços e melhores produtos.

Dados divulgados pela Booking Holdings que compreende empresas que atuam no formato de agregação e comparação de preços, incluindo Booking.com, Priceline.com, Kayak, Agoda.com, Rentalcars.com e Open Table, demonstra um lucro bruto de US$ 12,4 bilhões em 2017.

No Brasil, uma das pioneiras no segmento de comparação de preços foi o Buscapé, site de comparação criado por 4 estudantes universitários em 1999.  Recentemente a compra da Buscapé foi divulgada pela rival Zoom, numa transação bilionária. Com o passar dos anos, outros comparadores surgiram nos mais diversos segmentos de mercado e sua expansão é notória e irreversível.

Um dos segmentos mais disputados hoje no país, sem dúvida, é o turístico. Na atualidade, existem comparadores focados em passagens áreas, hotéis, câmbio de moeda, locação de veículos, seguro viagem e ainda outros que oferecem todas estas opções avulsas ou que combinam todos as opções e acessórios ligados ao universo da viagem em formato de pacotes de viagem.

De olho no segmento de comparadores muitas empresas adequaram suas estruturas para que este canal fosse prioritário dentro de suas políticas de vendas. É o caso da Assist Med Viagem, renomada empresa paulistana focada na oferta de Seguro Viagem. Após análises de produção por canal, a empresa decidiu concentrar esforços na distribuição dos seus planos por meio de comparadores, sites sinérgicos e agências com operação 100% online. De acordo com André Lucas, diretor comercial da empresa, “a opção prioritária em firmar parcerias com estes canais de distribuição é fruto dos positivos resultados colhidos ao longo dos últimos anos. À medida que estabelecemos estas parcerias e averiguamos os dados, percebemos claramente três vantagens: primeiramente, estes canais possuem um público cativo e crescente que nos interessa grandemente; em segundo, estes parceiros abastecem nossa empresa com dados relevantes de inteligência e de performance que nos ajudam na tomada de decisões e criação de produtos; e em terceiro, ficamos livres do grande esforço de mídia para que o consumidor final nos encontre, pois os comparadores são bastante competentes neste tema”.

Especialistas do mundo todo indicam que a tendência para os comparadores nichados é a consolidação, como já observada hoje no mercado americano. Um dos candidatos naturais para o processo de consolidação é o Google, que já atua com o Google Shopping, mas sem grandes novidades ou interesses anunciados em mercados específicos.



Website: http://www.assist-med-viagem.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
radiosaovivo.net/
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...