30/05/2019 às 10h18min - Atualizada em 30/05/2019 às 10h50min

Flavio Maluf reporta a alta na taxa de inflação da Construção Civil

A taxa do mês de abril ficou em 0,49%, ante o 0,19% do mês anterior.

DINO
https://flaviomalufoficial.com/


Em abril, o chamado Índice Nacional de Custo da Construção - Padrão M (INCC-M) registrou um percentual de inflação mais alto do que o do mês de março. A taxa ficou em 0,49%, ante o 0,19% do mês anterior. Vale salientar que o mês de março, por sua vez, repetiu a variação de 0,19% registrada em fevereiro, segundo informações da Fundação Getulio Vargas (FGV). Quem traz mais detalhes sobre o assunto é o presidente das empresas Eucatex, o empresário e executivo Flavio Maluf.

O INCC-M é uma das formas pelas quais é divulgado o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) — que é o responsável por monitorar a movimentação dos valores dos custos da construção civil no Brasil. Trata-se de um dado medido pela FGV e reconhecido oficialmente como um termômetro do setor no país. Conforme o que divulgou o portal Agência Brasil (agenciabrasil.ebc.com.br), em matéria sobre o tema, publicada no dia 26 de abril, "o indicador acumula taxas de inflação de 1,28% no ano e de 4,32% em 12 meses".

Em abril, a principal alta de preços foi observada no segmento de Materiais e Equipamentos — o acréscimo foi de 0,71%, contra 0,38% no mês anterior, reporta Flavio Maluf. De acordo com a Agência Brasil, esse aumento aconteceu principalmente por conta do custo com instalação elétrica, que subiu 1,36%.

Já a reportagem divulgada pelo Valor Econômico (www.valor.com.br), também no dia 26, salientou que o índice relativo a Serviços passou de uma alta de 0,52% em março para 0,53% em abril. "Nesse grupo, a FGV destaca o avanço da taxa do item vale transporte, que passou de 0,60% para 1,30%", acrescentou o texto.

Quanto ao índice referente à mão de obra, o acréscimo nos preços, registrado em abril, foi de 0,33%, pontua Flavio Maluf. No mês anterior, não houve variação. O Valor acentuou, também, que todas as sete capitais abrangidas pelo INCC — Salvador, Brasília, Belo Horizonte, Recife, Rio de Janeiro, Porto Alegre e São Paulo — apresentaram aceleração em suas taxas de variação:

Sobre o Índice Nacional de Custo da Construção

O Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) é a unidade da FGV que cuida de índices como o INCC. Segundo o que explica o portal da Fundação Getulio Vargas (portal.fgv.br), a finalidade do Ibre é, justamente, "pesquisar, analisar, produzir e disseminar estatísticas macroeconômicas e pesquisas econômicas aplicadas, de alta qualidade, que sejam relevantes para o aperfeiçoamento das políticas públicas ou da ação privada na economia brasileira, estimulando o desenvolvimento econômico e o bem-estar social do país".

O Ibre (portalibre.fgv.br), por sua vez, explica que o Índice Nacional de Custo da Construção foi criado para medir a evolução dos custos de construções habitacionais. Ele foi o primeiro índice oficial brasileiro de custo da construção civil no país, por isso, conquistou grande importância, acentua o empresário e executivo Flavio Maluf.

"Foi divulgado pela primeira vez em 1950, mas sua série histórica retroage a janeiro de 1944. De início, o índice cobria apenas a cidade do Rio de Janeiro, então capital federal e sua sigla era ICC. Nas décadas seguintes, a atividade econômica descentralizou-se e o IBRE passou a acompanhar os custos da construção em outras localidades. Além disso, em vista das inovações introduzidas nos estilos, gabaritos e técnicas de construção, o ICC teve que incorporar novos produtos e especialidades de mão de obra", contou o Instituto Brasileiro de Economia. Em fevereiro do ano de 1985, para efeito de cálculo do Índice Geral de Preços (IGP), o ICC deu lugar ao atual INCC.

Flavio Maluf reporta que é possível encontrar o Índice Nacional de Custo da Construção em três padrões: M, 10 ou DI. A diferença entre eles está, basicamente, no período de coleta de dados. A coleta dos dados para o INCC-M é feita entre o dia 21 do mês anterior e o dia 20 do mês vigente. Já para o INCC-DI, os dados são coletados entre o primeiro e o último dia do mês. Por sua vez, a coleta de dados para o INCC-10 acontece entre o dia 11 do mês anterior até o dia 10 do mês de referência.

Sobre a Fundação Getulio Vargas

Fundada em 1944, a FGV é uma instituição brasileira de ensino superior que possui como missão estimular o desenvolvimento socioeconômico nacional. A entidade investe e incentiva a pesquisa acadêmica, e abrange temas como a macro e microeconomia, finanças, direito, saúde, previdência social, pobreza e desemprego poluição e desenvolvimento sustentável.

Na Fundação, também são mantidos programas de pesquisa em história, ciências sociais, educação, justiça, cidadania e política. Além disso, ela realiza trabalhos sob encomenda para o setor público, iniciativa privada e organismos internacionais, como, por exemplo, o Banco Mundial, salienta o presidente das empresas Eucatex, Flavio Maluf. Através do Ibre, a Fundação Getulio Vargas ainda gera e divulga, como bens públicos, indicadores e relatórios que contribuem para o direcionamento da economia do país.



Website: https://flaviomalufoficial.com/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...